logotipo Federação Brasileira de Bridge
Carta do Assis sobre o Bahia x Minas 2015

Carta do Assis sobre o Bahia x Minas 2015

Os anfitriões Thereza, Damião e Vidigal fizeram o sortilégio de transformar um convescote em um banquete.

Pouca gente, mas parecia uma multidão, tendo em vista o calor humano que transbordava pelos salões do Automóvel Clube. O clube está sediado num antigo prédio, ainda com elevador de porta pantográfica. Entretanto, não se vê ali decadência.

Damião recebeu os baianos, paulistas e cariocas como só os mineiros sabem fazer. É comum ouvir dos economistas que ?não há almoço grátis?. Em Minas, o whisky, o jantar de sexta feira, o jantar de sábado, os aperitivos no entremeio das partidas, tudo era grátis. A moeda de troca era o sorriso de cada um.

A data da realização do torneio, espremida entre duas competições importantes (seleção e sul americano) impediu que muitos deixassem de comparecer. Perderam, mas não perderão mais.

A equipe do Rafael, Fernando Amaral, Aloi e Miguelzinho venceu o torneio. Sem surpresas. Ainda Miguelzinho tirou o primeiro lugar com Jaqueline (a nossa querida diretora, sempre alegre e impecável) nas duplas. Aliás, chega a ser cansativo. Na próxima vez, estarão presentes esquadrões para derrotá-lo.

No sábado, Dona Therezinha, mãe do Aleco, entregou os prêmios aos vencedores e, por isso, mais lustrados ficaram os seus troféus.

Ainda no jantar de sábado, Vidigal, com a simplicidade dos mineiros, agradeceu a presença de todos desculpando-se pela frugalidade do evento. Estava errado.

Depois, Damião, num discurso emocionado e embriagante, exaltou o Bridge, a amizade, o Misk e a renovação do esporte.

Rafael encerrou a falação fazendo um apelo para que mais eventos, como aquele, se sucedessem, no mínimo três por ano, previamente agendados, em locais diversos, mas sem nunca esquecer a necessidade de se investir nos torneios virtuais.

Além de tudo, cabe aqui registrar que este foi o primeiro torneio Minas/Bahia e amigos valendo pontos para o ranking da Federação.

Guilherme Guimarães tirou muitas fotos durante a competição. Vale a pena dar uma olhada. Estou certo de que Marina separou na página da FEB um link para elas.

É doce jogar com Marina Amaral.

Assis.

Fotos do Bahia x Minas